Raquete de Ouro recebe visita monitorada da Petrobras

Representante da empresa verificou a evolução do projeto em 2015

 

Na última sexta-feira (15), o Raquete de Ouro recebeu uma visita de monitoramento realizada pelo setor de Responsabilidade Social da Refinaria Presidente Bernardes de Cubatão (RPBC). Representando a Petrobras, a gestora de projetos sociais, Rosangela Andrade da Silva, esteve na Escola Municipal Ronaldo Sérgio Alves Lameira Ramos (Bairro Sítio do Campo) e verificou o desenvolvimento do projeto, patrocinado pela empresa, em 2015.

Uma vez na unidade de ensino, Rosangela da Silva avaliou a parte de documentação e relatórios, bem como verificou as condições do material utilizado e a aplicação da marca nas divulgações. A representante da empresa, ainda assistiu a parte da aula prática em que uma das turmas realizava no momento da visita.

Entre os pontos fortes do Raquete de Ouro, destaque para a participação ativa das crianças atendidas, o envolvimento de todos o funcionários para a realização do projeto e o engajamento da comunidade. “Com o programa, percebemos um resgate no interesse dos alunos em estarem na escola. Não imaginávamos que daria resultado tão significativo em pouco tempo”, afirmou a gestora de projetos sociais da RPBC.

Com resultados expressivos, o projeto que mescla ação social com a prática esportiva está próximo de poder concorrer na seleção nacional realizada pela Petrobras. Esta segue os mesmos moldes da parceria já firmada na fase regional, entretanto, com recurso financeiro maior e mais tempo de patrocínio. “Além disso, incentivamos que busquem novas parcerias e formas de a atividade ganhar mais força”, completou Rosangela da Silva.

Para o coordenador do Raquete de Ouro, Carlos Leonardo Lopes, o projeto conseguiu levantar a autoestima dos moradores da comunidade. “Percebemos que mudamos o modo dos alunos, pais e moradores do entorno enxergar a realidade em que vivem. Trouxemos para as crianças, um esporte considerado de elite e que não tínhamos com aulas gratuitas em nossa Cidade. Queremos a longo prazo ampliar o número de polos”, enfatizou.

Iniciação – Desenvolvido pela Associação de Pais e Mestres da Escola Municipal Ronaldo Sérgio Alves Lameira Ramos, o projeto Raquete de Ouro começou as atividades em maio de 2015. Ao todo, cem alunos divididos em quatro turmas participam das aulas, teóricas e práticas, que os permitem aprender as técnicas da modalidade que teve como maior ídolo brasileiro o tenista Gustavo Kuerten, o Guga.

 

Matéria veiculada dia: 18/1/2016 | Daniel Elias

Fonte: Prefeitura de Praia Grande

#prefeitoalbertomourao #albertomourao #praiagrande #praiagrandesp #albertomouraopg #baixada santista